Segunda-feira, 22 de Janeiro de 2018

 

(Jairo Silva)

Seis jogos movimentaram a rodada do Regional de Futsal do Arroio do Silva.

12 de Janeiro de 2018

A quadra coberta de Esportes do Balneário Arroio do Silva foi palco de mais uma rodada do Regional de Futsal. Seis jogos foram disputados pela quarta rodada da primeira fase da categoria livre da Taça Guardiã Monitoramento, na noite desta quinta-feira, dia 11. Mas a rodada foi aberta com jogos pelas categorias de base e levou um bom publico para as arquibancadas.

Pela categoria sub-09, o meninos do combinado, Agrogiust/Plantar, venceram o Lagoão por 3 a 1. No sub-13, o combinado, Cedro/Turvo, goleou o Lagoão por 5 a 1. Já pela categoria sub-15, o Cedro/Turvo, venceu o time do Mercadão por 1 a 0. Finalmente pela categoria futsal feminino, as meninas do time da Boleiras, bateram as garotas da Bendo Transportes, por 3 a 2.

Pela categoria livre, a principal categoria do regional de Futsal do Arroio do Silva, dois jogos foram disputados na mesma noite pelo grupo B, da Taça Guardiã Monitoramento. Na ocasião, o combinado, Sú Porca FC/Meleiro, perdeu na estréia para o Sogima do Arroio do Silva, por 2 a 0. Nata e Claiton, fizeram os gols da Sogima. No complemento da rodada pelo mesmo grupo, o combinado, Plantec/Turvo, goleou a Bio Fitness Academia por 5 a 1.

A quinta rodada da categoria Livre do Regional de Futsal do Arroio do Silva, será disputada na próxima terça-feira, dia 16, com jogos pelo grupo A. Na oportunidade, o combinado, Turvo/Água Santo Anjo, encara o MEC. Fechando a rodada pelo mesmo grupo, o Ermo, que já está classificado para a segunda fase, pega o Atlético Canis, que perdeu na estréia.

A bola rolou no suíço do Morro dos Conventos.

Dois jogos foram disputados na noite desta quinta-feira, dia 11, pela categoria veteranos do suíço do Balneário Morro dos Conventos. Pelo grupo B do torneio, Campinas e Santiago, empataram em 2 a 2, em jogo que marcou a estréia dos dois times. Pelo mesmo grupo, o Céu Azul, fez sua estréia diante do combinado, JVJ/Restaurante Nazário, e venceu o confronto por 2 a 1.

Na próxima terça-feira, dia 16, mais quatro equipes farão suas estréias. Pelo grupo C, jogam, Amigos e Unidos da Coloninha, e o time do Bola Faceira, enfrenta o Interlagos.
.
Tigre vence e classifica na Copa São Paulo.

O Criciúma avançou mais uma vez na Copa São Paulo de Futebol Júnior. Na tarde desta quinta-feira, dia 11, no estádio Plínio Marín, o Tigre venceu o time da casa, o Votuporanguense (SP), pelo placar de 3 a 0. Os gols da classificação carvoeira foram marcados por Claudinho, Julimar e Mateus. Na próxima fase o Tigre encara o Atlético-PR

Com maior posse de bola e criando as melhores oportunidades, o Criciúma não deixou a equipe mandante, que estava com 100% de aproveitamento na competição, respirar. Foram inúmeras chances criadas, mas o goleiro fez diversas boas defesas.

Na etapa final, o domínio carvoeiro ficou ainda mais evidente. A velocidade no ataque do Criciúma deu muito trabalho para os adversários. O gol saiu após cobrança de escanteio. A defesa do time paulista afastou e Claudinho, de fora da área, marcou um golaço, aos 22 minutos. A vitória foi confirmada com gols de Julimar e Mateus.
.
Criciúma estréia em fevereiro na Copa do Brasil.

A CBF definiu a data de estreia do Criciúma na Copa do Brasil. Pela 1ª fase da competição nacional, o Tigre visitará o São Caetano, no dia 7 de fevereiro, quarta-feira, às 19h30min.
O local da partida ainda não foi definido, mas o mando de campo pertence a equipe paulista. A princípio, a CBF aponta o jogo entre São Caetano e Criciúma sem transmissão ao vivo pela TV.

Premiação

O campeão da Copa do Brasil de 2018 receberá R$ 50 milhões. Na 1ª fase, os 70 clubes do Grupo 3 receberão R$ 500 mil, as cinco equipes do Grupo 2 ganharão R$ 880 mil, enquanto as 7 do Grupo 1 irão faturar R$ 1 milhão. O critério para disposição nos grupos é o Ranking Nacional de Clubes da CBF 2018.

Os times que alcançarem a classificação à terceira fase vão receber 1,4 milhão. Os valores aumentam de acordo com o avanço de fase: R$ 1,8 milhão na quarta fase, 2,4 milhões nas oitavas de final, R$ 3 milhões nas quartas, R$ 6,5 milhões na semifinal. Além dos R$ 50 milhões para o campeão, o vice receberá R$ 20 milhões. O valor total distribuído na Copa do Brasil 2018 aos 91 participantes será de R$ 278.290.000,00.
.
Próspera disputa torneio no Rio Grande do Sul.

A fase de treinos, iniciada ainda em 2017, das categorias Sub-15 e Sub-17 do Esporte Clube Próspera encerra amanhã. O clube visa a disputa da Copa Cidade Verde, que acontece a partir de sábado, em Três Coroas (RS). A abertura do torneio será às 18 horas com uma cerimônia seguida de partida de abertura noturna com um dos campeões do ano passado.

A delegação criciumense viaja no sábado mesmo, dia 13, às 13h30min. Antes, acontecerá um um almoço, no próprio clube, para os 40 atletas: 20 integrantes do time Sub-15 e outros 20 que formam o elenco Sub-17. Lideraram os garotos, o presidente Dorval Arriola Rodrigues, Reinaldo Martins, coordenador e técnico do time Sub-15 e Paulo Serrano, técnico da equipe Sub-17. O diretor Jorge Batista deve ser o líder da delegação.

A expectativa é que ambos os times sigam para a segunda fase. “Em 2017, na categoria Sub-17 tinha 42 equipes, agora terá 28 – isso aumenta a possibilidade da gente passar de fase”, explicou o presidente do Time da Raça.

A competição acontece de 13 a 20 de janeiro, na cidade gaúcha, e classificam-se para a segunda fase as 16 melhores campanhas, independente de grupo, dentre os 28 participantes no Sub-17 e 22 times do Sub-15. “O Reinaldo Martins (coordenador) já disputou seis ou sete Copas Cidade Verde. Ele conhece muito a competição. O nosso adversário mais difícil deve ser o Ivoti, que é a terceira ou quarta força no futebol de base do RS”, completou Rodrigues.

Homenagem à ex-preparador físico

Ontem, os times Sub-15 e Sub-17 do Próspera enfrentaram as mesmas categorias do CT Família São Cristóvão, também de Criciúma, em confrontos que serviram de preparação para a competição e também para homenagear o professor Rogério Bittencourt, que foi preparador físico do Próspera na Copa Cidade Verde 2017, treinava e coordenava o CT Família São Cristóvão, e morreu no final do ano passado. “Fizemos uma oração a ele no início do jogo”, contou o presidente do Próspera.

Com tempo curto para trabalhar, Dorval conta com o talento individual dos jovens do Próspera. “O nosso tempo de trabalho é curto. Nós vamos contar mais com a qualidade técnica individual de cada jogador do que com o entrosamento e conjunto. O nosso Sub-13 jogou uma competição em dezembro, nessas mesmas condições, e cresceu dentro da competição. É com isso que nós contamos”, disse.

O presidente ainda agradeceu aos fieis parceiros do clube. “Temos o apoio da Cri Pneus, Anselmo Lanches, Fisiomed e Vavá Metais que nos dão suporte para seguir em frente”, finalizou.
.
Belfort quer 10 milhões para voltar a lutar.

Vitor Belfort fará no próximo domingo, dia 14, em St. Louis, sua última luta profissional de MMA. É a última luta de seu contrato com o UFC. Mas é possível que ele um dia decida voltar a lutar depois de enfrentar Uriah Hall e pendurar as luvas? O lutador carioca sinalizou que apenas uma coisa o faria repensar a decisão: dinheiro. Sem meias palavras, Belfort apontou que somente uma oferta milionária o faria mudar os planos e quer 10 milhões de dólares para lutar.

- Muito dinheiro, bota milhões nisso! Mas enfim, vou estar sempre treinando, ajudando as pessoas, tenho muitos amigos lutando, o pessoal da Tristar, tem o Cezar Mutante, vou estar sempre preparado, esse é meu lifestyle. Mas tem que ser muito interessante (a proposta), estou muito satisfeito de ter tomado essa decisão (de parar). Estou falando de US milhões para cima para começar a conversa - afirmou Vitor Belfort, em conversa pela internet com a imprensa brasileira, direto da cidade no estado de Missouri, nesta última quinta.

Depois da aposentadoria do octógono, Belfort estará voltado exclusivamente para sua academia, a Belfort Fitness and Lifestyle. Ele quer descansar o corpo depois de 22 anos de carreira como lutador de MMA, e iniciar o que chama de “segunda jornada”.
.
Paris Saint-Germain dividido.

O clima no Paris Saint-Germain pode estar azedo. O jornal francês "L'Équipe" publicou na capa de sua edição dessa sexta-feira (12) uma reportagem que considera que o vestiário do clube está em um "estado de tensão" após as declarações de Thiago Silva, Cavani e Pastore, envolvendo o atraso do argentino e do uruguaio na reapresentação à equipe após as férias.

A série de disputas que ocorreram durante a temporada se soma à esta e cria, de acordo com o jornal, uma divisão entre brasileiros e jogadores sul-americanos. Di Maria, Cavani, Pastore e Lo Celso ficam de um lado, enquanto Neymar, Daniel Alves e Thiago Silva aparecem de outro.

Na análise da publicação, a situação, que já esteve sem controle em alguns momentos, como na disputa de Neymar e Cavani para saber quem batia os pênaltis, reacendeu após a vitória por 2 a 0 da equipe parisiense contra o Amiens, pela Copa da Liga Francesa. Cavani e Pastore ficaram fora da partida como punição pelo atraso.

Em entrevista coletiva no fim da partida, o capitão Thiago Silva disse que a volta de Cavani era importante, ainda que "tenham feito um gesto que não foi bom para o grupo". No entanto, o zagueiro mostrou uma opinião contrária sobre Pastore e afirmou que o meia é um pouco diferente do uruguaio e que, inclusive, teria pedido para sair da equipe - fato que não se consumou.

A afirmação gerou uma resposta de Pastore nas redes sociais, na qual ele diz que não falou nada com Thiago Silva sobre seus problemas pessoais e que, além disso, não queria ter se atrasado ou deixar o clube.

- Nunca falei com o Thiago Silva sobre meu problema ou sobre meu futuro. Nunca coloquei pressão em ninguém. Não é meu estilo. Ele não estava sabendo do problema que eu tive e me fez atrasar. Sempre fui leal. Não é verdade que quero sair do clube. Quero encerrar a minha carreira aqui - disse.

Previsão do tempo

Ronaldo Coutinho

Ouvir

Sua reportagem

Tem uma reportagem? Uma notícia de última hora? Envie para a Rádio Araranguá.

Envie sua reportagem

Colunistas

Repórter 1290

Por Lucas Casagrande

Acessar

Policial

Por Karin Mariana

Acessar

Esportiva

Por Jairo Silva

Acessar

Política / Geral

Por Saulo Machado

Acessar