Segurança Cai o número de crimes de furto em Araranguá

Cai o número de crimes de furto em Araranguá

24/04/2024 - 21h48

Polícia Militar divulga dados em que apresenta queda nos números de furtos em comparação ao ano de 2023

A Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC), através do 19º Batalhão de Polícia Militar (BPM), analisou os dados estatísticos do município de Araranguá referente aos crimes de furtos registrados nos períodos entre 1º de janeiro a 20 de abril de 2023 e 1º de janeiro a 20 de abril de 2024, apresentando uma redução na prática desse delito.

Ou seja, entre 1º de janeiro a 20 de abril de 2024 houve uma redução de 10,71% dos crimes de furtos em geral, quando analisados no mesmo lapso temporal do ano de 2023. E destes dados, observou-se que os crimes de furtos em comércios reduziram significativamente em 39,29%, quando comparados nos mesmos períodos.

Apesar das conquistas alcançadas, o comando do 19º BPM reconhece que o combate ao crime é uma batalha contínua e que ainda há desafios a superar. O comandante do 19º BPM, tenente-coronel Marcelo Bertoncini Zanette, destaca que a Polícia Militar está com a operação Presença em andamento, na qual uma das principais estratégias adotadas é o aumento da presença policial nas áreas mais propensas a furtos, tanto em patrulhamento ostensivo quanto em operações policiais.

Além disso, a conscientização da população sobre medidas de segurança, também está sendo realizada através das redes de vizinhos da PMSC, das redes sociais e veículos de comunicação. Ressalta-se que a Polícia Militar também está participando da operação Recomeço, uma ação que iniciou no dia 26 de março deste ano.

Essa operação em conjunto com a administração municipal, envolvendo secretaria da saúde, assistência social e demais forças segurança, tem por objetivo encaminhar as pessoas em situação de rua para acompanhamento social, e assim, ofertar tratamentos para a dependência química e reinserção familiar.

Desse modo, orienta-se que a população não doe esmolas, e sim, ofereça ajuda. Pois, muitas vezes o dependente químico acaba fomentando o tráfico de drogas, que por sua vez, é a causa principal dos crimes de furtos e receptação. Essa ajuda pode ser realizada através da assistência social pelo número de telefone 48-3521-3535 ou através do telefone 190 (Polícia Militar), informando o local que a pessoa vulnerável se encontra.

Todas essas ações contribuem de maneira eficaz para preservar a ordem nos bairros de Araranguá, prevenindo assim, a prática de crimes contra o patrimônio. Por fim, destaca-se que qualquer situação suspeita a Polícia Militar deve ser acionada através do telefone 190 ou pelo aplicativo PMSC Cidadão, disponível para os sistemas Android e IOS.