Segurança Destroços de navio são descobertos em Balneário Arroio do Silva e ferem banhistas (VÍDEO)

Destroços de navio são descobertos em Balneário Arroio do Silva e ferem banhistas (VÍDEO)

12/02/2024 - 15h12

Na última semana, um incidente incomum surpreendeu os banhistas em Balneário Arroio do Silva, quando destroços de um navio foram avistados nas águas próximas à orla. Relatos indicam que alguns banhistas sofreram ferimentos devido à presença desses objetos, que se acredita serem partes de uma embarcação naufragada há aproximadamente 10 anos.

A descoberta dos destroços levou a uma rápida resposta das autoridades municipais, com a secretaria de Obras e o Corpo de Bombeiros sendo notificados para lidar com a situação. Em entrevista ao programa Dia a Dia da Rádio Araranguá, o secretário de Obras do Arroio, Vanderlei de Souza, compartilhou detalhes sobre as operações de remoção dos destroços.

“O local onde foram localizados os destroços coincide com a área onde é realizado o evento da Arrancada de Caminhões. Na época do naufrágio, não conseguimos localizar os destroços do navio. O problema é que o mar trouxe esses objetos para a orla”, explicou o secretário.

O esforço para remover os destroços foi grande, envolvendo mais de seis horas de trabalho dentro da água, utilizando cabos de aço e retroescavadeiras para retirar o tanque, motor, hélice, caixa e proa da embarcação. Esses objetos representavam um grande perigo aos banhistas, especialmente considerando sua proximidade com a área de banho.

“Realizamos um trabalho de mais de seis horas dentro da água, com cabos de aço, para remover os objetos. Além disso, foi utilizado uma retroescavadeira, onde conseguimos retirar o tanque, motor, hélice, caixa e proa. Esses objetos estavam na área de banho, o que demonstravam um grande perigo aos banhistas”, ressaltou o secretário.

Com respeito a destinação adequada dos objetos, o secretário destaca que as autoridades municipais estudarão a melhor maneiro para o descarte. “Os objetos serão verificados pela administração municipal para destinar ao local adequado”.