Segurança “É uma vida toda trabalhando e perdemos tudo”, agricultor do RS chora ao ver propriedade destruída pela chuva

“É uma vida toda trabalhando e perdemos tudo”, agricultor do RS chora ao ver propriedade destruída pela chuva

07/05/2024 - 08h23

Em uma comovente entrevista à Rádio Araranguá, no programa A Força do Campo, apresentado por Alaor Alexandre, Silvio Lopes, conselheiro do Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga) em Nova Santa Rita, RS, compartilhou os relatos de desolação e desespero enfrentados pela comunidade agrícola local devido à enchente.

“Parece que estamos em um pesadelo. As perdas não são apenas na lavoura, mas em tudo. Temos uma propriedade de 200 hectares que se encontra em uma área alta, mas mesmo assim a água chegou. É uma vida toda trabalhando e perdemos tudo. Não sobrou nada, faz uma semana que não consigo descer na propriedade. Meu gado não sei onde está, sumiu tudo, a água carregou tudo”, relatou Silvio às lagrimas.

A comunidade de Nova Santa Rita, localizada próxima à grande Porto Alegre e com vários rios desaguando nas proximidades, foi severamente afetada, deixando os moradores emocionalmente abalados e sem saber como reagir diante da devastação. “Sou um homem de 60 anos e nunca vi isso na minha vida. A destruição foi muito grande. Foi a maior enchente do Rio Grande do Sul. O desânimo é muito grande. Não sabemos nem o que fazer”, ressaltou.

Silvio relata os desafios que os agricultores enfrentam para se recuperar da tragédia e reconstruir suas vidas. “Nosso emocional está muito abalado. Estamos passando a pior fase de nossas vidas”, finalizou o agricultor.