Geral Frei Egídio: Patrono do agricultor familiar brasileiro no caminho da beatificação

Frei Egídio: Patrono do agricultor familiar brasileiro no caminho da beatificação

02/07/2024 - 08h02

No programa O Dia em Notícia da Rádio Araranguá, apresentado por Alaor Alexandre, os convidados Frei Franco Azzalli e professor José Pedro Idalino falaram sobre a beatificação de Frei Egídio, o patrono do Agricultor Familiar Brasileiro, em Turvo.

Frei Franco Azzalli, responsável por cuidar das causas dos santos, beatos, monges, irmãs e leigos, está em Turvo para conduzir o processo de beatificação de Frei Egídio, que viveu muitos anos em Santa Catarina e faleceu em 1976. “Esta memória é um símbolo de sua santidade e humildade que foi demonstrada durante sua vida. A ordem foi sediada em Roma, na Itália, e solicitamos aos bispos da região e ao povo de Deus que protocolassem o pedido,” destacou Azzalli.

Serão realizados atos públicos, começando com um evento jurídico no tribunal, onde o bispo constituiu uma investigação. “O ato será público no centro de eventos de Turvo, com a apresentação de todo o processo e o juramento dos membros do tribunal. Depois, às 16h, haverá uma eucaristia de agradecimento seguida de uma festa,” disse o Frei.

Pedido de intercessão

Frei Azzalli enfatizou a necessidade de um milagre pela intercessão de Frei Egídio para avançar no processo de beatificação. “Temos muitas provas da santidade de Frei Egídio, porém, nos falta um milagre por sua intercessão. Solicitamos a todos os fiéis que peçam um milagre pela intercessão do frei,” ressaltou.

Importância de Frei Egídio

Desde a chegada de Frei Franco a Turvo, houve discussões com o bispo sobre a situação. O objetivo é tornar Frei Egídio visível e resgatar fragmentos de sua memória. “Investigamos sua reputação junto à população e constatamos o quanto o Frei ainda está vivo na memória das pessoas. O Frei é patrono do agricultor turvense, catarinense e brasileiro, e possui admiradores por todo o Brasil”, explicou o professor José Pedro Idalino.

O evento ocorre neste domingo, 07, e começará às 15h com o juramento das autoridades, seguido de uma missa solene no centro de eventos de Turvo. “Convidamos todos a participar e buscar esse milagre para continuar o processo de beatificação. Esse será o primeiro caso na região”, concluiu Idalino.