Segurança Homem é espancado, bandidos o enterram achando que estava morto, mas ele sobrevive e quatro acabam preso

Homem é espancado, bandidos o enterram achando que estava morto, mas ele sobrevive e quatro acabam preso

13/06/2024 - 10h24

Na manhã desta quinta-feira, dia 13, a Polícia Civil do Estado de Santa Catarina, com apoio da Polícia Militar, deu cumprimento a três mandados de prisão preventiva e três mandados de busca e apreensão. Os mandados foram expedidos após pedido da Polícia Civil de Praia Grande, em uma investigação de tentativa de homicídio e roubo.

No final do mês de maio, em Praia Grande, uma pessoa foi espancada até perder a consciência, o que levou os agressores a acreditar que a vítima havia falecido. Assim, enterraram o que achavam ser o corpo da vítima, a qual na verdade estava viva e que, algum tempo depois, conseguiu sair da cova em que estava e buscar socorro.

No dia anterior à agressão, dois elementos invadiram a casa da vítima e lá, mediante ameaça, subtraíram um aparelho celular e uma bicicleta, para pagar parte de suposta dívida de drogas. Após a fracassada tentativa de homicídio, intimidaram a vítima e sua família com diversas ameaças. Assim, foram cumpridos os mandados de busca e apreensão e prisão, tendo sido localizados os três indivíduos suspeitos.

Na casa de um deles, a polícia apreendeu dois quilos de maconha (2kg), e 100 gramas de cocaína que demonstravam o tráfico de drogas, sendo lavrado auto de prisão em flagrante por esse crime. Na residência de outro, encontrou-se um cachorro em situação de maus-tratos, sendo lavrado auto de prisão em flagrante por esse crime. Ainda, durante as buscas, encontrou-se elementos de uma quarta pessoa que estava traficando drogas em Santa Rosa do Sul, tendo os policiais se deslocado até o local.

Na residência dessa quarta pessoa foram encontradas drogas (maconha – 460 e cocaína – 13g, divididas em 10 porções) que demonstravam a narcotraficancia. Esse indivíduo também foi preso pelo crime flagrado. Participaram da operação às Delegacias de Polícia de São João do Sul, Passo de Torres, Santa Rosa do Sul, Turvo e Balneário Gaivota, além do NOC e SAER. Policiais Militares de Praia Grande e Passo de Torres também apoiaram a operação.