Geral Iparque encaminha revisão do Plano Municipal de Saneamento Básico de Arroio do Silva

Iparque encaminha revisão do Plano Municipal de Saneamento Básico de Arroio do Silva

05/06/2023 - 10h26

Técnicos do Parque Científico e Tecnológico da Unesc (Iparque) trabalham, junto à equipe da administração municipal de Balneário Arroio do Silva, para tratar da análise do Sistema de Abastecimento de Água (SAA), do Sistema de Esgotamento Sanitário (SES), do Manejo de Resíduos Sólidos e Limpeza Urbana, e do Manejo de Águas Pluviais e Drenagem Urbana, que integram a revisão do Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB).

Em pauta, a discussão sobre os programas, projetos, metas e investimentos nos eixos do saneamento.

“Estamos na reta final para conclusão da revisão deste Plano, com previsão de término e entrega no final de junho de 2023. Os benefícios do saneamento básico, como os serviços de água tratada; a coleta e tratamento dos esgotos; a coleta e disposição final dos resíduos sólidos; e o manejo de águas pluviais levam à melhoria da qualidade de vidas das pessoas, sobretudo na saúde, em melhorias na educação, na expansão do turismo, na valorização dos imóveis, na despoluição de rios e preservação dos recursos naturais”, enfatiza o coordenador do Centro de Pesquisas e Estudos Ambientais do Iparque, Sérgio Luciano Galatto.

A reitora da Unesc, Luciane Bisognin Ceretta, relata que o Iparque cumpre aquilo que um Universidade Comunitária se dispõe a fazer, que é estar ao lado da sociedade, contribuindo com a região na qual está sediada. O trabalho realizado em Balneário Arroio do Silva, é mais uma prova disto.

“O Centro Tecnológico da Unesc é o maior e mais completo do Sul do estado. Ao contar com profissionais qualificados em um ambiente com alta tecnologia, a nossa Instituição presta diversos serviços que contribuem com o desenvolvimento de região. Assim como Arroio do Silva, diversas outras cidades de nossa região são beneficiadas por toda esta expertise”, enfatiza.

O prefeito de Arroio do Silva, Evandro Scaini, ressalta a satisfação com o trabalho desempenhado. “O município contratou o Iparque em virtude da capacidade técnica, dos profissionais habilitados, do conhecimento e dos projetos de desenvolvimento junto à Amesc. Pensando nisso, o trabalho tem sido desenvolvido com conhecimento e responsabilidade, tendo sempre o envolvimento da equipe técnica da prefeitura”, fala.

A cidade, inclusive, é uma das contempladas com o Plano de Desenvolvimento Socioeconômico, desenvolvido pela Unesc, que visa o planejamento para os 15 municípios do Extremo Sul.