Política Reitora da Unesc recebe título de Cidadã Catarinense em cerimônia prestigiada

Reitora da Unesc recebe título de Cidadã Catarinense em cerimônia prestigiada

04/12/2023 - 23h42

A reitora da Unesc e presidente da Associação Catarinense das Fundações Educacionais (Acafe), Luciane Bisognin Ceretta, foi homenageada pela Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) com o título de Cidadã Catarinense. A oficialização do significativo reconhecimento ocorreu durante a Sessão Solene realizada na noite desta segunda-feira, 04, em Florianópolis. A cerimônia, que contou com a presença de diversas autoridades, entre elas deputados e ex-deputados, prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, secretários municipais, empresários, presidentes de bairros, professores, estudantes e membros da comunidade, transformou o espaço do salão da Assembleia em um ambiente repleto de celebração e gratidão.

De origem do Rio Grande do Sul, a reitora agora vê seu elo com Santa Catarina ainda mais fortalecido ao ser agraciada com o título. “Esse é um dos reconhecimentos mais importantes que recebo na minha vida. Escolhi, há mais de 30 anos, o estado de Santa Catarina para viver, constituir a minha família, fazer amigos e ser feliz com o resultado do meu trabalho. Tive grandes oportunidades neste estado e, desde então, estou completamente encantada por Santa Catarina, pela sua população, pela sua capacidade pujante. Este é um estado em destaque no âmbito nacional e que confere a um trabalho bem feito, o reconhecido devido. Sou muito grata e serei para sempre leal à Alesc, sobretudo aos 40 deputados, em especial ao propositor deste título”, compartilhou a então Cidadã Catarinense, sendo muito ovacionada e aplaudida de pé pelo público presente.

A iniciativa para conceder o reconhecimento à Luciane foi do deputado estadual Júlio Garcia, tendo recebido o respaldo unânime de todos os parlamentares catarinenses. Em seu discurso durante a cerimônia, o deputado não apenas enalteceu as conquistas profissionais de Luciane, mas também exaltou sua essência como líder feminina, sendo uma fonte de inspiração para as mulheres na sociedade.

“A Luciane é uma pessoa muito especial que não teve o privilégio de nascer em Santa Catarina, mas que fez toda a sua vida neste estado. Essa homenagem resplandece a sua notável trajetória, especialmente por seu papel fundamental na concepção e aprovação do Projeto de Lei que deu vida ao programa Universidade Gratuita em parceria com o governo estadual. Ela é uma liderança feminina de destaque em nosso estado. Com sensibilidade, coragem e determinação, ela conquistou um espaço que serve de inspiração e merece nosso reconhecimento”, enfatizou o deputado proponente.

Para além dos feitos na Unesc e na Acafe, o deputado destacou também o comprometimento de Luciane nos conselhos educacionais em âmbito nacional e estadual, nos quais sua defesa incansável pela excelência educacional se fez presente em diversos projetos de forma ativa.

“Essa homenagem é o reconhecimento de alguém que trabalha por Santa Catarina. Se tivermos educação, saúde, segurança, social, tudo vai melhorar. Luciane tem o caráter ilibado e atuação destacada. Lu, te admiro, te respeito, sou leal e grato”, enfatizou Garcia.

Entusiasmo

Presente no evento, o governador Jorginho Mello, também deixou suas palavras para a reitora. “Ela é vibrante e acredita no que faz, contagia as pessoas e não tempo ruim. Faz as coisas com entusiasmo. Sempre fui defensor das Universidades Comunitárias. A região do estado era antes e depois das comunitárias, que trouxeram o fortalecimento da educação. Não tem outro caminho, que não seja pela educação. Você é um bom exemplo disso. Veio para emprestar seu brilho, dedicação e trabalho”, enalteceu o governador.

“É um orgulho ter você como cidadã catarinense. Presta um serviço e vai continuar a prestar um grande serviço, principalmente pela educação. Você foi fundamental no projeto Universidade Gratuita. Você orgulha o Sul, o estado e o Brasil”, complementou o governador.

Durante o discurso, o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro, representou também todos os líderes dos Poderes Executivos da região e parabenizou a homenageada. “Esta homenagem é justa e merecedora. Estar aqui é compromisso nosso, de cidadão criciumense. A cidade, que tem o berço plasmado em carvão, que hoje é aurora brilhante de uma nova e feliz geração, lhe concedeu o título. Hoje foi a vez do estado reconhecer o seu trabalho. O que mais pode engrandecer uma pessoa? O que torna uma pessoa grande, o que te faz grande é colocar sempre a primeira pessoa no plural. Nunca o eu, mas sempre nós. Chegamos onde chegamos porque temos uma equipe comprometida. Este sentimento de gratidão que levas com todos é o que te faz grande”, enalteceu o prefeito.

“Durante a vida, trabalhei com o coração. Estou profundamente emocionada e é difícil expressar o verdadeiro significado deste título para a minha vida e caminhada. Já carrego com orgulho o título de cidadã criciumense, e agora, verdadeiramente, faltam-me palavras para expressar a grandiosidade desta honraria de ser reconhecida como cidadã catarinense”, finalizou Luciane.

Luciane Bisognin Ceretta é graduada em Enfermagem pela Universidade Federal de Santa Maria, possui mestrado em Enfermagem pela UFSC e doutorado em Ciências da Saúde pela Unesc. Possui ampla formação acadêmica em gestão, com quatro MBAs abrangendo Gestão Estratégica de Negócios, Gestão de Pessoas, Gestão Financeira e Gestão de Projetos. Além disso, possui oito especializações, sendo quatro na área da saúde e quatro na área de educação. A mais recente foi concluída neste ano pela Universidade de São Paulo (USP). Sua experiência na área da saúde abrange Saúde Coletiva, com foco em Saúde Pública e Educação na Saúde, estudos sobre epidemiologia e gestão em saúde. É uma pesquisadora reconhecida e professora do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva – Mestrado na Unesc.

Sua experiência na educação inclui estudos sobre gestão universitária, acesso e permanência de estudantes no ensino superior e legislação educacional para o ensino superior. Nascida em Faxinal do Soturno, no Rio Grande do Sul, construiu uma carreira profissional consolidada em Santa Catarina. Contribuiu significativamente para a saúde municipal em Iporã do Oeste e Criciúma, implementando modelos de atenção primária e unidades de saúde em áreas carentes. Foi consultora da Organização Pan-Americana de Saúde e da Fundação Oswaldo Cruz, desenvolvendo projetos inovadores para o planejamento e a gestão na área da saúde em diversos estados brasileiros, em parceria com o Ministério da Saúde.

Na área acadêmica, teve uma trajetória ascendente na Unesc, desde professora, coordenadora de curso, diretora de unidade acadêmica, pró-reitora de pós-graduação, pesquisa e extensão até a posição de reitora, fortalecendo a instituição como referência não apenas no ensino superior, mas também na pesquisa e extensão. Envolvida na implantação do Centro de Inovação de Criciúma e na elaboração dos planos de desenvolvimento socioeconômico para a região sul de Santa Catarina. Além de seu papel na Unesc, Luciane assumiu a presidência da Acafe, liderando iniciativas que ampliaram o subsídio público para o ensino superior em Santa Catarina. Lidera a Comissão de Regulamentação das Universidades Confessionais e Comunitárias Brasileiras junto ao Conselho Nacional de Educação e é membro da Comissão Nacional de Residências em Saúde, representando o Conselho Nacional de Educação.

Recentemente eleita vice-presidente do Conselho de Reitores das Universidades Brasileiras (CRUB). Recebeu em 2023 o Diploma de Mérito Educacional do Conselho Estadual de Educação de Santa Catarina; foi homenageada com o Prêmio Mulheres na Ciência pela Assembleia Legislativa de Santa Catarina; recebeu o Prêmio Líderes da LIDE Santa Catarina na categoria “Liderança Catarinense Destaque Nacional’, e o Prêmio Mulheres na Ciência Amélia Império Hamburger pela Câmara dos Deputados; Destaque Fiocruz para pesquisadores que buscaram contribuir com estudos para compreender os efeitos da Covid-19 e apoiar municípios brasileiros, além de diversos outros prêmios, honrarias e homenagens.

Reconhecida como conselheira em órgãos educacionais estaduais e nacionais, Luciane é destacada pelo seu compromisso e contribuição tanto na área de saúde quanto na educação, tendo prestado serviços valiosos ao estado de Santa Catarina.