Segurança “As próximas 36 horas é que são as mais favoráveis a chuva forte”, alerta Coutinho

“As próximas 36 horas é que são as mais favoráveis a chuva forte”, alerta Coutinho

15/06/2023 - 08h46

Os avisos feitos pela Defesa Civil através da previsão do tempo de fortes chuvas na região preocupam a população. O meteorologista Ronaldo Coutinho alertou que, embora as chuvas já tenham iniciado, o maior volume deve acontecer entre a tarde desta quinta-feira e a manhã de sexta. “A parte mais forte da chuva vai vir entre a tarde e à noite. Agora que vai começar a chover. Nós já temos ali na parte do Costão da Serra, nas últimas 12 horas chuvas entre 25 e 40 milímetros, pela região. Então já deu uma chuvinha boa neste período”, disse, durante a previsão do tempo na Rádio Araranguá.

O meteorologista Ronaldo Coutinho lembrou que esta chuva sofre influência de um ciclone extratropical que passa pelo mar, mas que tem perdido a sua força. “O vento deve estar entre sudeste e leste, que traz muita umidade. Nós estamos na parte inferior do ciclone, ele vai passar ao largo da nossa costa, ao longo do dia e vai trazer essa umidade. Como aumentou o deslocamento dele, ele está mais rápido, ele vai ficar menos tempo com umidade vindo do mar, isso é bom. Ele reduziu bastante o volume de chuva em grande parte do litoral sul, ainda sim é alto”, disse Coutinho. Para os próximos dias, a previsão é de um volume de chuva que pode variar entre 100 e 200 milímetros em toda a região. “As próximas 36 horas é que são as mais favoráveis a chuva forte. E como vai chover em toda a bacia do Rio Araranguá, ao mesmo tempo, é bom o pessoal ficar atento. Provavelmente na sexta-feira é que o rio deve responder”, alertou Coutinho.

Vento deve ser forte, mas não deve ocasionar problemas

Outra grande preocupação das pessoas é com o vento. Coutinho destacou que o vento deve ser forte, mas não deve gerar problemas. “O vento não é problema, o problema é chuva. Quem tem medo, vai ficar com medo, quem tem agonia vai ficar agoniado. Mas na prática, pouca coisa vai acontecer. É vento na prática entre 40 e 80 km/hora, em rajadas, que acontece trocentas vezes ao ano”, tranquilizou Coutinho.

Confira a previsão do tempo completa: