Geral Polícia Civil vai montar força-tarefa para dar resposta à criminalidade do Arroio do Silva e ALESC tem audiência pública hoje em Sombrio

Polícia Civil vai montar força-tarefa para dar resposta à criminalidade do Arroio do Silva e ALESC tem audiência pública hoje em Sombrio

28/05/2024 - 10h30

O delegado geral da Polícia Civil de Santa Catarina, Delegado Ulisses Gabriel, disse na manhã de hoje durante entrevista à Rádio Araranguá que uma força-tarefa dará atenção especial a situação de criminalidade no Balneário Arroio do Silva. O delegado afirmou que o efetivo da Polícia Civil teve acréscimo no Arroio do Silva, mas admitiu que outras ações serão necessárias, depois que corpos foram desenterrados e ontem, mais um homem foi assassinado a tiros e o corpo deixado a beira mar.

Prender

Durante a entrevista o delegado disse que o governador do Estado Jorginho Mello já determinou celeridade em reforma e ampliação de presídios em Santa Catarina. Ao ser questionado sobre a situação do presídio regional de Araranguá, onde existe superlotação e um projeto de ampliação que não sai do papel, o delegado afirmou que: “Vamos continuar a prender e cabe à justiça encarcerar e colocar um em cima do outro, se for o caso”, assegurou.

Pecou

Ulisses Gabriel admitiu ainda que faltou um trabalho mais efetivo no sentido preventivo, uma vez que facções vindas do Rio Grande do Sul se instalaram no Balneário Arroio do Silva. Também deixou claro que legalmente o município não pode ter um delegado.

Audiência

Acontece hoje na Câmara de Vereadores de Sombrio audiência pública da Assembleia Legislativa para debater o trânsito de máquinas agrícolas nas estradas. A audiência é uma sequência chamada pelo deputado Oscar Gutz do PL, para discutir uma convivência pacifica entre o trânsito de veículos e de máquinas agrícolas nas estradas.

Defesa

Para o deputado, é preciso mudar a legislação brasileira em relação as máquinas agrícolas, uma vez que os agricultores vêm sendo multados e prejudicados com a proibição de circulação nas estradas. A intenção da audiência é ouvir os anseios do setor, para formatar uma proposta de mudança e convivência pacifica.

Movimento

Oscar Gutz revelou que o movimento já existe nos três Estados do Sul: Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul. Muito embora nosso vizinho Estado esteja enfrentando uma situação de cheias, também é parceiro. Assim o deputado está otimista em relação a possibilidade de mudança na legislação.

Sem ordem de serviço

Mesmo após a licitação ter apontado duas empresas que vão tocar a obra do acesso sul ao Arroio do Silva na parte de Araranguá, a ordem de serviço ainda não tem data para ser assinada. Informação do paço municipal é que a verba para a realização da obra ainda não está nos cofres da prefeitura. Parte será de emenda parlamentar do deputado estadual Tiago Zilli.