Geral Programa Remédio em Casa pretende atender mais dois bairros ainda em 2022

Programa Remédio em Casa pretende atender mais dois bairros ainda em 2022

16/11/2022 - 16h41

Prestes a completar três meses o programa “Remédio em Casa”, da Secretaria de Saúde de Araranguá, pretende atender mais dois bairros até o final do ano. Segundo o farmacêutico Henrique de Souza Rocha, hoje são atendidas cinco comunidades. “Até o momento atendemos os bairros Sanga da Areia, Sanga da Toca, Polícia Rodoviária, Hercílio Luz e Morro dos Conventos, que são os mais afastados do Centro. Ainda este ano queremos incorporar mais dois bairros. Um é o Jardim Cibele e outro estamos estudando, comenta o farmacêutico.

O programa consiste em levar medicamentos prescritos na Remume (Relação Municipal de Medicamentos Essenciais) para pacientes acamados que se enquadram em alguns critérios estabelecidos.

Como funciona:

Cada Unidade de Saúde faz um levantamento dos pacientes acamados, com endereço, prova, identidade do recebedor e receitas de uso contínuo, que deverão ser atualizadas anualmente (exceto receitas e medicamentos psicotrópicos) ou conforme avaliação médica do tratamento. A Secretaria de Saúde, irá conferir a necessidade do encaminhamento do medicamento a domicílio, mediante avaliação do serviço social da saúde. O Programa Remédio em Casa, conta com uma ambulância e um profissional farmacêutico, que cuida de toda a logística.

 Pacientes inclusos:

– Pessoas residentes e acamadas em Araranguá;

– Usuários do Sistema Único de Saúde;

– Estar vinculado na Unidade Básica de Saúde do Município;

– Portadores de doenças crônico degenerativas;

– Portadores de patologias que necessitem de cuidados paliativos;

– Portadores de incapacidade funcional permanente.

Documentos necessários: RG, CPF, comprovante de residência e comprovante de renda de todos que moram na casa do paciente.