Geral Não suporto me ouvir

Não suporto me ouvir

16/12/2022 - 17h14

Uma reclamação comum das pessoas que vão falar no rádio ou na televisão é “não gosto de minha voz.”

Vamos parar pra pensar, não existe voz ruim, e sim problemas de articulação e fluência da fala. Em alguns casos é preciso contar com a ajuda de um fonoaudiólogo, mas a maioria das pessoas precisa apenas de alguns ajustes para adequar o volume, entonação e o ritmo da fala.   

Até a respiração influencia quando falamos porque o nervosismo desencadeia uma série de falhas, incluindo falar rápido ou lento demais, alto ou baixo e fora do tom. Você mesmo pode identificar se comete alguns desses deslizes, mas para isso vai ter que começar a se ouvir. A voz gravada é propagada por ondas no ar, por isso, parece diferente, mas na verdade não é.  

Então antes de ficar reclamando desse bem tão precioso que é sua voz, acostume-se com ela. Com o tempo você vai se familiarizar e perceber que se trata da mesma voz que está habituado a ouvir. E caso perceba necessidade de ajustes é legal contar com o apoio de um profissional de fono ou oratória que podem dar um diagnóstico do que melhorar.   

Mas eu tenho uma técnica que você pode fazer sozinho. Para saber como as pessoas te ouvem, coloque as mãos em forma de concha nos ouvidos e pronuncie algumas frases. E vai testando, use um tom mais suave, mais forte, mais grosso, mais fino.

Outro exercício é ler bastante em voz alta. Para quem tem criança em casa dá para fazer isso brincando, é só pegar um livro infantil e fazer de conta que é um personagem. Imite as vozes, do mocinho, do vilão, e assim por diante. Tenho certeza que vai ser divertido e aos poucos você vai quebrando esse preconceito com sua voz e aprendendo a lidar com ela. 

Experimente =P

Ah, e tem um áudio bem legal sobre esse tema para você ouvir, clica ali embaixo.

@consultora.lizeburigo