Política Movimentações políticas em Araranguá e revitalização da SC-447 prevista para este mês

Movimentações políticas em Araranguá e revitalização da SC-447 prevista para este mês

18/03/2024 - 14h35

Com a abertura da janela em que políticos que detém mandato podem trocar de partido, a movimentação foi intensa. Em Araranguá, no republicanos, aconteceu a filiação do empresário José Carlos dos Santos, o Carlos da funerária Santa Terezinha. O empresário se filiou com a intenção de ser candidato a vereador nas próximas eleições municipais. O vereador Luís da Farmácia, deixou o PL e também se filiou ao republicanos. O ex-vereador Paulo Roldão, o suplente de vereador Fernando do sindicato, Juliandro Coelho e Roberto Rebelo, ex-presidente da UAMA, são novidades no partido.

MDB

No MDB de Araranguá, em uma reunião que aconteceu na última sexta-feira, novos filados foram apresentados. Com a presença de Aloísio, o Boi Bandido, o prefeito Cesar Cesar recebeu as filiações do empresário Xandi da Auto Fácil e dos vereadores Nelson Soares e Pedro Paulo de Souza, que migraram do PDT e PSD respectivamente.

Relação

O MDB também divulgou a lista de pré-candidatos e vereador nas próximas eleições municipais. Lena Périco, Edir Clésio Gomes Batista (Tico), Pedro Paulo de Souza (Paulinho), Nelson Soares, Fernando Serrano, Jair Bala, Patrícia Farias, Adão Vieira dos Santos (vidrinho), Elis Freitas, Júnior Bailão, Afrânio Ronconi, Edmilson (Ararastur), Joel Casagrande, Maiara Possamai, Samuel Jesuino e Tânia de Jesus.

PL

No PL, o ex-vereador e presidente da Câmara de Araranguá, Cabo Loro, voltou à cena política, agora com sua filiação ao PL. A filiação se deu com a bênção do governador do Estado Jorginho Melo. Cabo Loro chega ao partido na condição de candidato nas próximas eleições, com chance de ser o candidato do PL a prefeito.

SC-447

O coordenador regional do DEINFRA, Ademir Honorato, disse na manhã de hoje que a revitalização da SC-447, deve ser retomada até o final deste mês. Admitiu que não conseguiu cumprir o cronograma pré-estabelecido, devido as condições climáticas e ao fato de a empresa responsável ter sido destacada para revitalizar a 285, entre Timbé do Sul e a BR 101.

Na fila

Na verdade, não conseguiu explicar porque começou e não terminou a revitalização da SC-447. Atrasou o início da obra, que deveria estar pronta antes da temporada de verão, que já terminou. Depois prometeu que a obra seria retomada após o carnaval. Mais tarde seria retomada após a Arrancada de Caminhões, mas nada foi cumprido.

Olho de gato

Também teve a narrativa de que o governador Jorginho Mello viria para a Arrancada de Caminhões e que queria ver a rodovia revitalizada e já com os chamados olhos de gato nas laterais. Na verdade, nem a obra terminou e nem o governador veio à Arrancada de caminhões.

Ponte

Sobre a ponte ligando o distrito de Hercílio Luz ao Morro dos Conventos, afirmou que “O Estado não pode se responsabilizar por uma obra que é do município”, o que não é verdade. Como se trata de uma obra conveniada entre o município e o governo do Estado, é sim, responsabilidade do governo.

Solução

Ademir Honorato também disse acreditar que haverá uma solução para o impasse. O município deve devolver R$ 9 milhões, que não foram utilizados para a obra e o governo cancelar o convênio e recomeçar todo o processo, o que deve demandar um tempo considerável.