Política Mapa da eleição municipal em Araranguá começa a se definir e PT se posiciona sobre estar no governo

Mapa da eleição municipal em Araranguá começa a se definir e PT se posiciona sobre estar no governo

23/01/2024 - 10h41

O mapa

O mapa da eleição municipal em Araranguá começa a tomar forma. Com altos índices de aprovação, a administração de Cesar e Tano, vem recebendo adesões de vários partidos políticos, inclusive que estavam em oposição. No ano passado houve um ensaio de uma oposição mais agressiva, com certos discursos na Câmara de Vereadores, mas que caíram por terra, exatamente devido ao índice de aprovação do governo. Assim, a formação da coligação para buscar a reeleição de Cesar e Tano está acontecendo de forma natural, com MDB e PSD sendo procurados por outros partidos. A maior parte dos partidos estruturados em Araranguá, já aderiu a coligação. Por último o PL, discute a possibilidade, que já é dada como certa.

Adversário

Ao que tudo indica, sobrou o PP e o PT e mais alguns partidos menores, sem expressão, para compor uma coligação adversária nas próximas eleições. Das duas uma, ou o PP se coliga com o PT, como já aconteceu, e ganhou a eleição, ou o PP vai de chapa pura e o PT também, o que apresentaria três candidaturas, cenário que seria ainda mais favorável a Cesar e Tano.

Pode mudar

Claro que a política que está estabelecida hoje, pode não valer amanhã. Os índices de aprovação do governo municipal podem cair, partidos podem abandonar o barco, o cenário pode realmente mudar, porque as conversas continuam. Mas hoje, o quadro apresenta a administração municipal navegando em águas calmas, e pavimentando uma reeleição com alto índice de possibilidade de vitória.

Posição

Na manhã de hoje, o presidente do PT de Araranguá Ozair da Silva, o Banha, se posicionou em relação a nova situação com a possível entrada do PL na administração municipal. Afirmou com todas as letras que o PT está sim, na administração, e que foi uma posição do partido, logo no início da atual administração, o que contrasta com o que disse o presidente do MDB, Emerson Almeida. Segundo Banha, a adesão ao governo, inclusive com cargos, foi tratada diretamente com o prefeito Cesar Cesar.

A eleição é diferente

Banha deixou claro, que estar na administração, não quer dizer que o PT estará na coligação para as próximas eleições. Entende que se o PL entrar, dificilmente o PT permanecerá. Mas ressalvou que em alguns municípios, o PL está coligado com o PT. “A decisão de estar no governo, nada tem a ver com a coligação para as próximas eleições, se bem que entendo que deveria se dar prioridade a quem entrou no governo municipal, logo no começo”, afiançou.

Planos

Banha também afirmou que o PT está se preparando para as eleições e estudando todas as possibilidades. Se continuar com o governo municipal, é um quadro, se não estiver é outro, e aí caberá ao partido decidir sobre coligar ou apresentar uma candidatura solteira, para garantir a eleição de vereadores.

Sandro Maciel

Entre os nomes citados por Ozair da Silva, está o do ex-prefeito Sandro Maciel, que segundo ele, teria colocado seu nome à disposição para concorrer a prefeito.

Pré-candidato

O empresário José Carlos dos Santos, o Carlos da Funerária e plano de Assistência Familiar Santa Terezinha, afirmou que está disposto a ser candidato a vereador nas próximas eleições em Araranguá. O empresário disse que seria uma forma de agradecimento e contribuição para com a cidade que lhe permitiu um grande crescimento em seu ramo de atividade.

Encontro das famílias

O PL regional prepara para a próxima quinta-feira, 25, o encontro das famílias de direita. O evento vai acontecer a partir das 19 horas, no auditório da churrascaria Espetão. Na chamada que circula nas redes sociais, as famílias de direita estão sendo chamadas para discutir o atual cenário do país. Já confirmaram presença os casais, senador Jorge Seif e sua esposa Catiane Seif, deputado estadual Stener Sorato e sua esposa Graziela Sorato e o deputado Jessé Lopes e sua esposa Moyra.