Política Rodovia que liga Araranguá a Ermo foi discutida entre os prefeitos Cesar e Paulinho e Câmara de Araranguá tem sessão extraordinária hoje

Rodovia que liga Araranguá a Ermo foi discutida entre os prefeitos Cesar e Paulinho e Câmara de Araranguá tem sessão extraordinária hoje

17/01/2024 - 10h55

O prefeito de Araranguá Cesar Cesa recebeu ontem em seu gabinete o prefeito de Ermo, Paulo Delavechia. Os dois líderes do executivo discutiram uma ligação entre os municípios, em Araranguá a ARA 211 e em Ermo, a ERM 211. O assunto girou em torno de pavimentar a rodovia. Em Ermo, tem um pouco mais de 1km, que dá acesso nas comunidades rurais de Baixadinha e Vila Verde. Em Araranguá, esta rodovia passa pelas comunidades da Operária, Morro do Pronto, Santa Rita, Campinho e Soares. Além de ligar com a Rod. 285 e com a ERM-211. O prefeito Cesar já havia destacado a importância desta rodovia, até para interligar com a BR-285. O assunto deve evoluir.

À disposição

Presente no encontro, o deputado estadual Tiago Zilli, se colocou à disposição para alocar recursos junto ao governo do Estado. Tiago fez questão de participar da discussão que contou ainda com a presença do vereador Pedro Paulo de Souza, o Paulinho do PSD.

Saúde

Os números da secretaria estadual de Saúde do Estado no ano passado são impressionantes. Somente em cirurgias, foram operados mais de 200 mil pacientes. Desses, foi possível realizar aproximadamente 125 mil cirurgias eletivas (com internação) e 76 mil cirurgias oftalmológicas ambulatoriais, sendo que 45 mil foram de catarata. Para realização dos procedimentos o Governo do Estado investiu um total de R$ 240 milhões.

Especialidades

Segundo o portal do governo do Estado, o maior número de cirurgias realizadas esse ano foi do aparelho geniturinário, remoções de útero, e do aparelho digestivo, incluindo hérnias e vesículas, totalizando 55.332 procedimentos. Em seguida, as cirurgias oncológicas, com 15.289; e, na sequência, as ortopédicas, com 15.057.

Ajuda

Para se chegar ao montante necessário de recursos, logo no primeiro ano de governo para cobrir os gastos, houve colaborações. Do Tesouro do Estado foram investidos R$ 120 milhões, que foram somados a ajuda dos poderes da Assembleia Legislativa, Tribunal de Contas do Estado, Tribunal de Justiça e Ministério Público, que disponibilizaram R$ 30 milhões; R$ 50 milhões da Bancada Federal de Santa Catarina no ano de 2022; e R$ 40 milhões da Política Nacional de Redução de Filas para o enfrentamento das cirurgias eletivas.

Projeção

Para este ano, o governo estima investir R$ 650 milhões de valores fixos, além do valor pago por produção, por meio do programa de Valorização dos Hospitais e a Tabela Catarinense, lançado pelo Governo do Estado em dezembro do ano passado.

Reunião hoje

Técnicos do governo do Estado, ligados à secretaria de infraestrutura estarão hoje em Araranguá. Vão conversar com a parte técnica da prefeitura de Araranguá sobre a ponte ligando o Distrito de Hercílio Luz ao Morro dos conventos. Depois do encontro com o governador na capital do Estado, os técnicos vêm receber todas as informações sobre a situação para encontrar um caminho que possa viabilizar, tecnicamente a retomada a obra.

Novo projeto

O caminho deve ser mesmo a elaboração de um novo projeto. Claro que primeiro será necessário um completo levantamento do que já foi feito e o que precisa ser feito para que o projeto seja encaminhado. Como se pode observar, é um longo caminho até que haja a decisão do governo de retomar a obra, o que parece ter ficado encaminhado junto ao governador.

Não desistiu

O prefeito do Arroio do Silva Evandro Scaini, ainda não desistiu de buscar o asfalto da estrada do CTG. Durante o governo Carlos Moisés, provocado pelo governo, o prefeito fez o projeto, mas o governo terminou e a obra não saiu. Claro que no momento existem obras prioritárias que estão em andamento e o Acesso Sul que está com obras paralisadas, mas a estrada do CTG não saiu do radar de Evandro Scaini.

Outro acesso

Já em relação a ligação do Arroio com Araranguá pelo Paiquerê, o pequeno trecho no lado do Arroio a ser asfaltado, deverá começar em breve. Uma emenda do deputado estadual Júlio Garcia, solicitada pelo vereador Pedro Coelho, vai viabilizar a obra.

Extraordinária

A Câmara de Vereadores de Araranguá tem sessão extraordinária marcada para às 14h de hoje. Na pauta três projetos. Um projeto de lei complementar que institui a gratificação por serviços de relevância. Um projeto de resolução que regulamenta a atuação do agente de contratação e pregoeiro, e o projeto de resolução que regulamenta os procedimentos de dispensa de licitação. Os três projetos são da mesa diretora presidida pelo vereador Márcio Tubinho, tendo como vice Jorge Luís Pereira.

Nova lei

Acontece que com anova lei de licitações é preciso organizar melhor a equipe de licitação que terá um pregoeiro e equipe de apoio. Até aí tudo bem. O problema é que pela proposta, o pregoeiro, que será indicado pela mesa e mais dois integrantes da equipe, receberão R$ 2 mil por mês, a mais no salário, mesmo que não haja licitações para atuar. Este item está apresentando resistências de alguns vereadores que pretendem apresentar emenda. Querem que seja igual a equipe formada na prefeitura, onde o pregoeiro e sua equipe ganham por licitação feita e não mensalmente, mesmo sem licitação.

Reunião

O presidente Marcio Tubinho marcou uma reunião para às 13h, uma hora antes da sessão, para conversar com os vereadores e definir a questão, antes da votação.